Passar para o Conteúdo Principal
Hoje
Máx C
Mín C
siga-nos

O Concelho de Vinhais vai voltar a ter uma fronteira aberta a partir do dia 2 de março

Logo 1 720 800
2021/02/25

O facto de não haver qualquer fronteira aberta no concelho de Vinhais que permita aos trabalhadores transfronteiriços um acesso mais facilitado aos seus trabalhos no país vizinho, traz grandes constrangimentos às populações, deixando o autarca vinhaense, Luís Fernandes, incomodado com a situação.

Assim, no sentido de defender o superior interesse dos seus munícipes, tomou várias iniciativas para que pudesse ser aberta pelo menos uma das fronteiras, participando em reuniões com vários autarcas da Zona da Raia de norte a sul do País, reivindicando através de documentos e missivas enviados a Sua Excelência o Senhor Ministro da Administração Interna e a atitude mais visível foi realizada na passada segunda-feira, dia 22 de fevereiro, na fronteira da Moimenta, (escolhida simbolicamente), onde se fez um minuto de silêncio como forma de chamar a atenção para esta problemática.

Sabe-se agora que a luta e a persistência deram bons resultados, uma vez que, a partir do dia 2 de março, a fronteira da Moimenta passará a estar aberta, 2 vezes por dia.De salientar que, no Novo Estado de Emergência que tem início no dia acima referido, mais duas fronteiras vão ter permissão para abrir, a da Moimenta e a do Lindoso.